Impermeabilização em muro de arrimo: como fazer?

Quando um terreno tem um desnível, aclives ou declives, em situações de cortes ou aterros de terra, é preciso algum tipo de estrutura para fazer a contenção e garantir a estabilidade do terreno. Em terrenos mais amplos, a contenção pode ser feita por meio de taludes, que são planos inclinados, popularmente conhecidos como “barrancos”. Já em terrenos menores, pode haver a necessidade de uma parede de contenção ou muro de arrimo.

 

Os muros de arrimo suportam enormes pressões do solo, especialmente no período chuvoso quando o solo está saturado, e por isso devem ser devidamente projetados para evitar acidentes. Além disso, pelo fato de estarem em contato direto com a terra e água, a impermeabilização é uma etapa fundamental na construção dos muros de arrimo.

 

Neste post vamos entender melhor o que é um muro de arrimo, sua função estrutural e práticas de impermeabilização.

 

O que é um muro de arrimo?

O muro de arrimo, também de chamado de muro ou parede de contenção, é um tipo de específico de estrutura que tem a função de isolar (conter) o solo e separar o terreno. É uma solução tomada quando há um terreno em aclive, declive, em situações de corte e aterro, quando não há a possibilidade de se fazer um talude – seja por falta de espaço, ou por questões de instabilidade de solo.

 

Os muros variam de tamanho, forma e material conforme a necessidade. O importante é que qualquer tipo de parede de contenção deve ser cuidadosamente dimensionada por profissionais e empresas habilitadas, para evitar acidentes. É muito comum ouvir notícias de desmoronamentos e deslize de terra, muitas vezes com vítimas.

Leia:

 

É possível fazer um muro de arrimo com diversos materiais, sendo o mais comum blocos de concreto ou alvenaria. Lembrando que é necessário armar a estrutura conforme especificação do projeto. Em construções de maior porte, os muros de arrimo normalmente são feitos com estacas metálicas e cortinas de concreto.

 

Impermeabilização em Muro de Arrimo

Como vimos, um muro de arrimo é uma estrutura que precisa ser devidamente projetada e executada corretamente para garantir segurança e estabilidade. Como a contenção está em contato direto com o solo e a água, a impermeabilização tem um papel de fundamental importância na durabilidade e estabilidade.

impermeabilização em muro de arrimo manta asfáltica como fazer

 

Em linhas gerais, há duas formas principais de se fazer uma impermeabilização de muro de arrimo: a face em contato direto com o solo e a face oposta ao solo. Logicamente, a impermeabilização da parte do muro em contato direto com água é mais eficaz, porém, dependendo da situação no local da obra, não é possível executar o serviço.

 

Impermeabilização da face do muro de arrimo em contato direto com o solo

Para a impermeabilização da face externa (contato com o solo) do muro de arrimo, é preciso:

 

  • Analisar a situação e escolher o sistema mais adequado

Em cada situação é possível se utilizar de diferentes tipos de materiais, como por exemplo emulsão asfáltica, argamassas impermeabilizantes, manta asfáltica, entre outros, desde que sejam projetados para suportar cargas. O mais comum nesse tipo de caso, contudo, é a manta asfáltica.

Saiba mais:

 

  • Preparação da superfície para a manta asfáltica

Como em qualquer tipo de situação em que será aplicada manta asfáltica, a superfície precisa estar limpa, livre de pó, óleos, graxa, e também devidamente regularizada e plana.

 

  • Aplicação do primer

O primer é que vai garantir a aderência da manta na superfície. Dessa forma, ele é aplicado previamente e os prazos para secagem devem ser respeitados. Só então a manta asfáltica deve ser aplicada.

 

  • Aplicação da manta asfáltica

A manta asfáltica deve ser desenrolada e posicionada na superfície do muro de arrimo. Com o auxílio de um maçarico, a manta é colada e se adere no substrato. É preciso prestar atenção para o transpasse de 10 cm nas emendas para evitar falhas futuras nas juntas.

É sempre bom lembrar que a impermeabilização com manta asfáltica tem a sua garantia e durabilidade diretamente relacionada à qualidade da execução. Portanto, lembre-se que este é um serviço para empresas e profissionais habilitados e experientes.

 

  • Proteção mecânica e revestimento

A manta asfáltica mais comum no mercado não resiste bem aos choques mecânicos e à exposição, por isso ela deve ser revestida. No caso de lajes, por exemplo, depois de instalada a manta é feito um contrapiso. Nos muros de arrimo, são necessários chapisco e revestimento com reboco ou emboço (a nomenclatura varia de acordo com a região do Brasil).

 

Impermeabilização da face do muro de arrimo sem contato direto com o solo

Quando a impermeabilização do muro de arrimo é feita no lado interno (face que não está em contato direto com o solo) é comum o uso de argamassas impermeabilizantes. Dessa forma, será necessário:

 

  • Limpeza e preparação da superfície

Da mesma forma que para receber a impermeabilização com a manta asfáltica, o substrato deve estar limpo, regularizado e livre de poeira, óleos, partes soltas, e pode ser necessário realizar uma limpeza com água e escova de aço.

 

  • Preparação e aplicação do produto

No caso das argamassas e aditivos, eles devem ser preparados conforme as instruções dos fabricantes ou especificação de projeto.

 

  • Aplicação

A aplicação deve ser feita em superfície úmida, com o auxílio de rolos e utilizando sempre demãos cruzadas.

 

  • Proteção e revestimento

Dependendo da orientação do fabricante, pode ser necessário algum tipo de proteção mecânica sobre a impermeabilização. Dessa forma, primeiramente é executado o chapisco, seguido do revestimento. Como se trata da face interna, isto é, a face visível do muro, muitas pessoas optam por algum tipo de revestimento decorativo.

 

Quer saber tudo sobre impermeabilização? Veja nossos outros posts sobre o assunto!

Comentários

Comments are closed.