Impermeabilização com resina epóxi

O epóxi é um produto versátil e que pode ser utilizado para diferentes aplicações, como por exemplo na fabricação de móveis como cola e acabamento, para impermeabilização, como adesivo e reconstrução de superfícies, e também como piso.

 

Comumente chamado no mercado de porcelanato líquido, o piso epóxi é uma solução que tem ganhado cada vez espaço, especialmente como solução de pisos industriais.

 

A resina epóxi também pode ser utilizada como impermeabilização de superfícies, e neste texto vamos entender as suas características principais, vantagens e desvantagens.

 

O que é epóxi?

impermeabilização com resina epóxi

 

Epóxi é um plástico termofixo que é ativado através de um catalisador.

Termofixo é a denominação de um material que não se altera com a temperatura.

Diferentemente de outros tipos de plástico, as resinas epóxi não perdem a rigidez nem “derretem” quando expostas ao calor.

 

É preciso fazer a mistura da resina com o agente “endurecedor” para que a reação comece a ocorrer.

Uma das formas mais populares de uso da resina epóxi é a massa Durepóxi.

Outra forma muito utilizada nos EUA, são as “5-minute-epoxi”, em que a resina e o catalisador são vendidos de forma líquida.

 

Devido às suas características de rigidez, impermeabilidade e resistência, as resinas epóxi são utilizadas como acabamento superficial de pisos, sendo caracterizadas como RAD – Revestimento de Alto Desempenho.

 

Piso epóxi

impermeabilização com resina epóxi

 

Existem basicamente 4 formas de ser fazer um revestimento de piso com resina epóxi.

As suas principais características são a versatilidade e resistência à produtos químicos.

A secagem do revestimento epóxi é rápida, permitindo a liberação rápida ao tráfego.

 

Historicamente, o revestimento de piso epóxi sempre foi bastante utilizado para galpões industriais, chão de fábrica, especialmente em indústrias alimentícias, farmacêuticas, e demais ramos que são mais exigentes em relação a limpeza.

Mais recentemente, começou a ser adotado o seu uso em pisos residenciais, onde passou a ser popularmente conhecido como “porcelanato líquido”.

 

Este tipo de produto passou a ser utilizado como solução de impermeabilização, com a vantagem de ele próprio já conferir um acabamento estético agradável e de alto brilho.

A resina epóxi não possui resistência aos raios solares, tendendo a surgir manchas e amarelamento.

Por essa razão é indicado apenas para uso em regiões internas.

 

Piso autonivelante

Neste tipo de aplicação o piso epóxi é aplicado com o auxílio de rodo e desempenadeira, sendo que o produto tem características autonivelantes.

Neste caso, a resina epóxi corrige eventuais desníveis do substrato, sendo o resultado final um piso totalmente nivelado.

 

Este é o tipo de aplicação que confere o melhor acabamento estético.

 

Indicado para: indústrias, chão de fábrica, centros automotivos, e demais ocasiões de tráfego alto.

 

Multicamadas, camadas múltiplas e multilayer

Todos estes são nomes para o mesmo tipo de aplicação: sobreposição de camadas de resinas epóxi, com aspersão de quartzo com a resina ainda na forma líquida.

Esse tipo de piso pode ainda receber um acabamento superficial final.

 

Quando é aplicado em multicamadas, o piso epóxi acaba tendo uma espessura maior que o piso autonivelante, e ainda, tendo também melhores níveis de resistência.

Por essa razão, é indicado para áreas de tráfego intenso.

 

Indicado para: garagens e áreas de estacionamento (internos, sem exposição), quadras esportivas, hangares, indústrias automobilísticas.

 

Espatulado

Esta aplicação possui a maior resistência à compressão e à abrasão.

Não possuem as características de auto-nivelamento das opções anteriores, e também não devem ser utilizados em regiões sujeitas a lavagens constantes.

 

A principal utilização do piso epóxi espatulado é como recuperação de pisos degradados.

Devem ser aplicados em espessuras superiores a 4mm.

 

Indicado para: estacionamentos e áreas de garagem cobertos, centros automotivos, hangares, indústrias com movimentação de maquinário pesado.

 

Pintura epóxi

impermeabilização com resina epóxi

 

A pintura epóxi confere um revestimento superficial de aplicação rápida, e pode ser feita com rolos e também com maquinário específico.

É possível que a pintura epóxi seja feita com baixa ou alta espessura, dependendo do tipo de utilização.

 

Este tipo de aplicação é utilizado como manutenção de um outro revestimento já existente.

Confere um excelente acabamento superficial, contudo é preciso ter cuidado pois a pintura, por si só, não é capaz de corrigir imperfeições do piso preexistente.

 

Indicado para: estabelecimentos comerciais, quadras de esporte, estacionamentos cobertos e internos.

 

Cuidados na aplicação de um piso epóxi

impermeabilização com resina epóxi

 

A aplicação é feita com a resina ainda na forma líquida, formando uma superfície lisa e sem juntas.

E assim como outros produtos utilizado como revestimento e impermeabilização, tudo começa com a limpeza do substrato.

 

  1. A superfície deve estar seca, lisa, e livre de impurezas. Como se trata de um material mais nobre, aplicado de forma líquida, as impurezas podem afetar o desempenho e resultado final.
  2. A qualidade do produto é fundamental para que se obtenha um revestimento de qualidade. E as especificações dos fabricantes, especialmente em relação à quantidades, procedimentos de preparo e técnicas de aplicação devem ser seguidas fielmente, sob risco de afetar o desempenho do produto.
  3. A mão de obra deve ser especializada. Materiais químicos nobres, em especial aqueles são utilizados na impermeabilização, devem ser aplicados apenas por profissionais e empresas especializados e experientes. É bastante comum a ocorrência de falhas em sistemas de impermeabilização por falhas não do produto, mas sim da mão de obra sem qualificação.

 

Vantagens e desvantagens da impermeabilização com resina epóxi

impermeabilização com resina epóxi

 

O revestimento epóxi tem como principais vantagens o fato de ser um piso feitos sem juntas e emendas e de aplicação fácil e rápida liberação ao tráfego; facilidade de limpeza, baixa porosidade, dificuldade de acumular sujeira; possibilidade de aplicação sobre pisos preexistentes; alta resistência mecânica; alta durabilidade; o revestimento já é, ele próprio, o acabamento final, e confere um aspecto visual agradável; possibilidade de correção de falhas pontuais ao longo do tempo.

 

Já os pontos negativos do piso epóxi são os custos elevados, em comparação a outras opções de piso muito utilizadas no mercado; maior dificuldade de encontrar mão-de-obra de especializada e de qualidade para execução do serviço; maiores cuidados com manutenção; pois pode manchar e riscar; não pode ser utilizado em exposição aos raios UV, sob o risco de surgirem fissuras e também manchas na superfície.

 

Impermeabilização de alta resistência

O Sistema Fibersals, de maneira similar aos revestimentos epóxi, também é uma camada impermeabilizante de alta resistência, executada sem juntas, que pode ser aplicada sobre o piso preexistente, com a possibilidade de diferentes cores para o acabamento final.

 

O poliéster flexível pode ser utilizado em áreas de grande movimentação e tráfego, pois possui elevada resistência mecânica; e também pode ser utilizado em situações de maior exigência de limpeza, inclusive em reservatórios em contato direto com a água.

 

Diferentemente das resinas epóxi, o Sistema Fibersals possui resistência aos raios solares, podendo também ser utilizado em áreas externas, como estacionamentos, playgrounds, terraços, sacadas, lajes de cobertura, estacionamentos, mezaninos e demais situações de exposição solar.

 

Faça um orçamento gratuito de impermeabilização com o Sistema Fibersals









 

Saiba mais sobre impermeabilização vendo nossos outros posts sobre o assunto!

Comentários

Comments are closed.