9 dicas para o síndico lidar com calúnias e difamação no condomínio

A primeira estratégia de um síndico para se livrar de calúnias e difamação no condomínio é trabalhar com 100% de transparência, lisura e ética. Porém, mesmo com tudo isso, infelizmente, ninguém está livre dessas situações, já que em todos os condomínios, as atitudes e ações do síndico podem gerar discordâncias e desafetos.

Se for algo isolado, o melhor é ignorar. Agora, se as calúnias e difamações tomarem maiores proporções, a saída é judicial com pedido de indenização por dano moral na esfera civil e apuração de crime de calúnia e difamação na esfera criminal.

 

9 dicas para o síndico lidar com calúnias e difamação no condomínio:

 

1. Ouça o conselho

calúnia e difamação sobre o síndico do condomínio o que fazer

Em caso de alguma discordância mais firme ou difamação, antes de tomar alguma atitude e agir enfrentando o autor, busque se cercar da opinião dos conselheiros. No calor da discussão e por ser alvo de alguma calúnia, você pode não estar se comportando da forma mais adequada e tomando as melhores iniciativas. Por isso, a percepção e os “conselhos” dos conselheiros são importantes nesta hora.

 

2. Procure entender as razões

As discordâncias num condomínio podem ter várias razões. Muitas vezes, há apenas falta de entendimento por parte dos condôminos. Procure sempre justificar bem suas iniciativas, comprovando com fatos e dados as razões das ações mais complexas e polêmicas. Às vezes, elas ocorrem por antipatias pessoais e outras porque a pessoa tem intenção de ser o próximo síndico e usa destes meios – calúnia e difamação – para alcançar isso. Entendendo qual a razão, você vai lidar melhor para se livrar disso.

 

3. Comunicação é fundamental

calúnia e difamação sobre o síndico do condomínio como lidar

Para neutralizar os confrontos e mal-entendidos e, também, se defender das agressões e perseguições, é fundamental que você tenha uma excelente comunicação com todos os envolvidos. Procure sempre – e não somente nas reuniões de condomínio – conversar com os moradores sobre os problemas, impasses, ocorrências, soluções, resultados, aumentos de custos e outras situações que dizem respeito à vida condominial. Isso significa ter transparência na gestão.

 

4. Descentralize as decisões

Sempre divida as responsabilidades. A centralização de decisões e ações gera desconfiança nos condôminos e abrem espaço para discordâncias. Quando bem informados e constantemente chamados a opinar, todos se sentem parte da decisão e mais confortáveis mesmo quando há a necessidade de medidas impopulares.

 

5. Envolva os condôminos

calúnia e difamação sobre o síndico do condomínio como resolver

Envolva os conselhos consultivo e fiscal na sua gestão. Agende reuniões periódicas para discutir e dividir funções. Crie, ainda, comissões de condôminos com o objetivo de que eles ajudem em tarefas específicas, como coordenar obras, criar e aprovar atividades de lazer e outras.

 

6. Fique calmo

Se o confronto se instalar, contenha-se. É difícil, mas não revide. Uma postura mais neutra, sensata e equilibrada não permite que a discussão de ideias se torne uma verdadeira briga com consequências mais sérias. Respire fundo, deixe a tempestade passar e, depois, com os ânimos de todos mais calmos, volte ao assunto.

 

7. Procure se resguardar

Se mesmo tomando todos os cuidados citados até agora, as simples fofocas entre vizinhos se tornarem casos graves de calúnia e/ou, difamação, não deixe que as ameaças e agressões se acumulem. Tente reunir o máximo de provas e faça um boletim de ocorrência. Assim você se resguarda.

 

8. Ao ingressar com uma ação judicial, não deixe de exercer suas funções

Com a anuência dos conselhos, procure um advogado e ingresse na Justiça com uma ação judicial. Há, inclusive, jurisprudência sobre calúnias e danos morais em condomínios. Mesmo assim, não interrompa os serviços rotineiros e nem deixe de cumprir nenhuma de suas obrigações como síndico. É melhor não dar razões para os desafetos acharem que você está acuado.

 

9. Organize a documentação

calúnia e difamação sobre o síndico do condomínio como lidar

Independentemente de estar sofrendo calúnias, guarde sempre e de forma organizada os documentos – planilhas, recibos, comprovantes de depósitos, contratos, extratos bancários e notas fiscais. Com isso, você pode prestar contas sempre que necessário à assembleia e também usá-los na sua defesa, em caso de acusações infundadas.

 

Ficou claro como se prevenir e agir em caso de calúnia e difamação no condomínio? Para mais dicas sobre o dia a dia dos síndicos, veja nossos outros posts.

Comentários

Comments are closed.